como-identificar-os-principais-disturbios-do-sono
17 de fevereiro de 2020

Como identificar os principais distúrbios do sono

como-identificar-os-principais-disturbios-do-sono

Os distúrbios do sono são problemas que interferem na capacidade de dormir adequadamente e, consequentemente, podem trazer inúmeras outras complicações decorrentes de uma noite de sono mal dormida.

Ter uma boa noite de sono é fundamental para manter o organismo saudável e regular algumas funções do corpo, que só acontecem quando repousamos. Além disso, quando dormimos sem interrupção, é possível desfrutar de um dia produtivo, em decorrência da saúde do sono reparador.

Dessa forma, quando não descansamos corretamente, alguns sintomas podem surgir indicando que há algo errado no organismo. Quando isso acontece com frequência, estamos sendo avisados que, muito provavelmente, estamos passando por algum problema com o sono.

Por isso, preparamos um artigo para você conhecer os principais distúrbios do sono e de que forma é possível identificar prováveis sintomas de que há algum problema com o seu descanso. Confira:

Distúrbios do sono: conheça os mais comuns

A lista de distúrbios do sono é imensa. No entanto, trouxemos os mais comuns para que você fique por dentro do assunto e saiba reconhecer o momento certo de procurar ajuda:

Apneia do sono

A apneia do sono é uma síndrome na qual a respiração é interrompida totalmente ou parcialmente por alguns segundos durante o sono, de forma que diminui a quantidade de oxigênio e aumenta a quantidade de dióxido de carbono. Na maioria das vezes, quem tem apneia do sono demora a identificá-la, já que as paradas respiratórias podem não acordar o indivíduo.

Isso torna o problema ainda mais perigoso e aumenta a necessidade de tratamento para interromper essas crises de apneia. É importante o diagnóstico da doença através do exame de polissonografia e avaliação médica. Existem várias formas de tratamento que será indicada de acordo com a gravidade do problema e sintomas. O CPAP é padrão ouro para tratamento grave da apneia do sono e  auxilia o indivíduo a controlar as crises e evitar possíveis complicações.

Geralmente, a apneia do sono está relacionada ao ronco e a pessoa sente sonolência e cansaço durante o dia, por não conseguir dormir à noite. Da mesma forma, o sobrepeso e a obesidade também se relacionam à doença como fatores de risco predominantes.

Insônia

A insônia é caracterizada pela dificuldade em dormir e, da mesma forma, de manter o sono contínuo durante toda a noite e também de despertar antes do horário estabelecido. Esse é um distúrbio do sono que pode estar relacionado com diversos fatores, seja decorrente de doenças, transtornos emocionais ou mudanças repentinas de hábito.

As pessoas que sofrem de insônia sentem muito cansaço, além de dor de cabeça, irritabilidade e distração frequente durante o dia. 

Para tratar a insônia, o especialista verifica a causa do problema e pode indicar alternativas para melhora da qualidade do sono ( Higiene do Sono), alguns casos medicamentos específicos e, com acompanhamento psicológico.

Bruxismo

O bruxismo é caracterizado pelo ranger involuntário dos dentes durante o sono ou, em casos mais raros, também durante o dia. Geralmente, está relacionado a estresse, ansiedade e problemas articulares

Quando não tratado, o bruxismo pode danificar os dentes e desencadear dores severas na região da mandíbula.

Na maioria das vezes, uma placa dentária pode ajudar a controlar o distúrbio, assim como medidas que trabalham o estresse e o uso de determinadas medicações.

Síndrome das Pernas Inquietas

´Se caracteriza por um movimento involuntário e repetitivos tipo Chutes ou abalos dos membros inferiores durante o sono que ocorrem a cada 20 a 40 s. Os sintomas mais comuns são sonolência diurna excessiva e interrupção do sono noturno. Muitas vezes não se percebem os movimentos e os despertares e nem sensações anormais dos membros. A síndrome é caracterizada pela necessidade de mover as pernas, braços ou até outras partes do corpo acompanhada de parestesias, algumas vezes até dor no membro inferior e superior. 

Não existe tratamento específico para a síndrome, mas geralmente mudanças de hábitos podem auxiliar e uso de medicações específicas. Mas os tratamentos exigem estudos mais aprofundados.

Caso se identifique com o problema procure um médico especialista para auxiliar no diagnóstico e tratamento correto.

Ronco

O ronco é um dos distúrbios do sono mais comuns que existe, de qualquer maneira, não se deve atribuir menor importância ao problema. O que acontece é que a garganta emite um ruído durante o sono, decorrente da diminuição do espaço por onde o ar passa.

Na maioria das vezes, o ronco está relacionado a apneia do sono e o tratamento deve ser em conjunto. 

No entanto, quando é algo isolado, é recomendado adotar algumas medidas de controle, como mudanças de hábitos alimentares, emagrecimento e atenção à posição de descanso.

Procure ajuda médica

Independente de qualquer que seja o distúrbio do sono, é fundamental procurar ajuda médica quando há dificuldades para ter uma noite de sono tranquila

Caso você não saiba se tem distúrbios do sono, mas sente-se cansado durante o dia e sem concentração para realizar suas atividades, verifique com um especialista se você está descansando o bastante. Aproveite para fazer o teste gratuito que nossa equipe preparou. 

Gostou do artigo? Aproveite para acompanhar mais assuntos sobre a importância da qualidade do sono nos artigos do blog.

CPAP Fit

A CPAP FIT é um ecommerce especializado em produtos médicos hospitalares.

FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL Confira o regulamento.
12X SEM JUROS NO CARTÃO
FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL